17.8.10

breve encontro com o branco

estas casas são caiadas, estas casas são caiadas e quem seria a caiadeira? foi o novo mais a noiva com ramos de laranjeira.

5 comentários:

Hellag disse...

ai este Alentejo!

Hellag disse...

gosto de sol mas com este calor, posso ficar à sombra? deitada nestas mantas? esta série é ousadamente bela :)
(posso um dia copiar a ideia, eheheh????)

carlosré disse...

Dizes bem Hellag: "ai este Alentejo!"
Quanto ao copiares a ideia...pois estás à vontade e gostaria que o fizesses. Acho que nos darias belissimas imagens.

pin gente disse...

e que bem caiaram eles
as paredes de seu lar
para sempre serão noivos
acabados de casar

brancas ficam as paredes
em terras de sol ardente
foi o noivo mais a noiva
acabam ao sol poente

logo de branco é caiado
mais limpo e com mais luz
todos os anos é novo
de seu amor fazem jus

levam flor de laranjeira
daquela cheirosa e bela
dela fazem sua trincha
entregam-se à caiadela

de pedra e cal o amor
que desde cedo os juntou
vejam as belas paredes
que a paixão deles caiou

dedos brancos enlaçados
aroma de laranjeira
termimam obra abraçados
caiador e caiadeira



beijos, beijos, beijos
"bedrin"

carlosré disse...

Tenho de musicar com cavaquinho e adufe estas quadras da PinGente.
Siga a festa meus senhores
para a cabeça ficar mais quente.

"flart"