3.11.08

2 comentários:

R.P. disse...

muito aquático . como sempre.

pin gente disse...

quando as minhas lágrimas se tornaram azuis resolvi partir. não sei se volto! enquanto tiver o rosto sem a tranparência dos meus olhos não o faço. as palavras tornam-se opacas... tristes! enquanto a minha voz não for um trinado feliz de canário amarelo vou esconder-me na folhagem. é outono... a minha cor vai confundir-se com a das folhas que sucumbem nos ramos.


um abraço
luísa